Segunda-feira, 26 de Outubro de 2009

Eu e os outros

Normalmente não costumava ser muito pessimista, achava que havia sempre uma solução para todas as situações, que as más atitudes podiam ser casos isolados... Mas infelizmente para algumas não há.... A índole de muita gente não lhes permite serem boas, ponto. Dava por mim a perder muito tempo há procura do bom no meio da escumalha de atitudes, e o que encontrava era lixo mascarado de bom senso. Só que muitas vezes já era tarde de mais... Já tinha dado demasiado de mim, já me tinha exposto a esse alguém que só esperava o momento da facada, tal como nas epopeias gregas.... Mas que fazer, era assim, parecia que não aprendia com casos passados, confiava demasiado e demasiado rápido. Pensei muitas vezes que mais valia ser assim, do que não confiar em nada nem em ninguém, o facto de acreditar em tudo e em todos era sinal de que algo cá dentro mexia.... Mas.... não valia o esforço, nem tão pouco as desilusões, e a pouco e pouco, muito lentamente, fui-me desligando, ficando menos crente, e incrivelmente, mais feliz. Lá diz o velho ditado... "O que o olhos não vêm o coração não sente"...

.... Mas....

No meio deste processo cruzamo-nos com pessoas que nos fazem (re)pensar no novo caminho escolhido. Pessoas que te dão tudo sem nada pedir. Que ficam felizes por ti sem te conhecer, que se sacrificam só porque sim por ti... Pessoas que te fazem sentir que vale a pena andar por este mundo, que te fazem voltar a acreditar que as amizades verdadeiras podem surgir vindas do nada. E foi isto que me aconteceu. Estes dias conheci pessoas com tudo de bom, com as quais aprendi muito, que me ensinaram tudo o que sabiam com a melhor das vontades e o menor do desprendimento. E principalmente, sem esperar nada em troca! Foi bom, neste momento poder conhecer alguém assim, com as quais me identifico a 100%...

tags:
publicado por MissAna às 00:04

| Devaneia tu também
Devaneios:
De estrelaquebrilha a 26 de Outubro de 2009 às 14:16

È bom quando isso acontece, voltarmos a acreditar nas pessoas.
bj
De MissAna a 26 de Outubro de 2009 às 16:45
É bom poder conhecer pessoas assim!

Beijinhos
De inoutyou a 26 de Outubro de 2009 às 21:07

Olá Ana,

Por vezes, nos desiludimos, outras vezes ficamos encantados e de bem com a vida...
Mas viver não é isto mesmo??

Beijinhos
Alex
De MissAna a 27 de Outubro de 2009 às 00:43
Nem mais, e como alguém já aqui disse, só temos que ignorar quem não interessa!

Beijinhos
De João Rodrigues Ferreira a 26 de Outubro de 2009 às 22:56
Só temos que ignorar os que não interessam.
De MissAna a 27 de Outubro de 2009 às 00:43
Nem mais! Temos que ser cada vez mais selectivos!
Beijos
De João Rodrigues Ferreira a 27 de Outubro de 2009 às 22:42
A propósito deste post, hoje reparei numa coisa: hà pessoas que desconfiam quando tentamos ser simpáticos e amigos!
Bj
De MissAna a 28 de Outubro de 2009 às 00:35
Tais foram as experiências que tiveram...
De João Rodrigues Ferreira a 28 de Outubro de 2009 às 17:50
Mas quem tenta ajudar, quem tenta ser amigo, sente-se frustrado, e pensa que se passa algo que tenha a ver com ele, o que não é verdade.
De MissAna a 28 de Outubro de 2009 às 17:53
É sempre um pau de dois bicos... Há que tentar gerir a coisa da melhor maneira..!
De Cris a 27 de Outubro de 2009 às 00:20
Tal como nas moedas, nas pessoas também encontramos cara e coroa... felizmente ainda há muitas pessoas em quem se pode confiar sem receio, para quem o amor ao próximo assume grande importância!
Fico contente por ti!

Beijinhos 
De MissAna a 27 de Outubro de 2009 às 00:45
Felizmente que nos vamos encontrando com pessoas que valem a pena conhecer, que te dão a mão sem segundas intenções! Vale mesmo a pena!

Beijinhos
De Option a 28 de Outubro de 2009 às 19:39
Como disse inoutyou (http://blogs.sapo.pt/userinfo.bml?user=inoutyou): A vida é assim mesmo, com altos e baixos e é isso que a torna maravilhosa. Ontem fomos crianças, amanhã seremos idosos, ontem fomos tristes, amanha vamos sorrir. 


A vida sempre em baixo não tinha adrenalina, a vida sempre em cima não tinha desafios, e por isso também não tinha o prazer.


O desafio de viver é saber aproveitar cada momento e aprender com ele. Se não aprenderes a evitá-lo pelo menos aprender a conhecê-lo e a superá-lo.




E como todos sabem, com um amigo do lado tudo é mais facil....




Beijinhos e continua sempre assim como és, verdadeira!
De MissAna a 28 de Outubro de 2009 às 20:41
Os bons amigos ao nosso lado são sempre bons alicerces para um futuro risonho, mesmo quando a vid anos corre menos bem, sabemos que temos alguém por lá, ao pé de nós!
De Boneca de trapos a 19 de Novembro de 2009 às 11:43
Pois é amiga, a vida dá muitas voltas, e por vezes até é bom acontecerem coisas menos boas. Pelo menos tornam-nos mais fortes e consecutivamente como dizes e bem, mais felizes!
A vida é uma constante aprendizagem!
Beijinho!
De MissAna a 19 de Novembro de 2009 às 14:22
Nem mais, estamos sempre a aprender!
Beijinhos

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.MEUS Devaneios

. Intervalo

. Amores complicados!!!!

. Nacionalidade de Adão e E...

. COMUNICADO DO GABINETE DO...

. Sátira dedicada a homens ...

. Segunda-feira...

. Depois da tempestade...

. Mulher...! :)

. É a do dia!

. Escolha do restaurante

. Velhinho de programa!!!

. Vida :)

. Crónicas da vida moderna....

. Let it snow?!

. Já....

. 2010

. A gerência deseja:

. SANTA time...

. Love by kids

. Do fim de semana

.Devaneios antigos

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.Quantos devanearam por aqui

Free Website Counters
Free Website Counters

.Online

online
Todas as imagens que acompanham os MEUS devaneios são retiradas da internet. Quando forem da minha autoria eu assino.