Domingo, 28 de Junho de 2009

Medos...

Apesar de não me considerar uma pessoa medrosa, há coisas que me assustam tanto que me causam arrepios..

E a solidão é uma delas... Se há algo que me mete medo, é a solidão, sem dúvida! E por isso, muitas das atitudes que tive ao longo da minha vida, foram em resposta a esse medo que realmente me afronta!

Sempre detestei estar sozinha, desde sempre me lembro que sentia pânico quando a minha mãe me mandava para a cama e eu tinha que ficar sozinha no andar de cima de minha casa...  Fui crescendo, mas o medo sempre cresceu comigo, lado a lado, e ainda hoje detesto estar sozinha! Para muita gente que conheço, o local idílico para morar era no meio da serra, em perfeita comunhão com a natureza, sem qualquer mão humana por perto... Bem, não imaginam o que eu sinto quando oiço isto... Sobe-me um arrepio pela espinha acima só de me imaginar a viver num ermo assim...! Ao contrário de muita gente, o local perfeito para eu morar é junto das multidões, num centro bem cosmopolita! Gosto de me sentir rodeada de vida humana, mesmo que estas espécimes nem sempre se mostrem ser dignas do conceito de espécie... Sempre gostei de estar rodeada de gente, de falar e ouvir pessoas! Claro que também tenho aqueles momentos em que me sabe bem estar sozinha, para pensar, para reflectir... mas....

Penso que seja este medo de estar sozinha, que me faz apegar tanto ás pessoas, que crie laços sempre tão fortes com que me rodeia. Porque se assim não fosse, a minha vida perderia parte do significado, não havia ninguém para partilhar as alegrias, as tristezas, os sorrisos, e até as fofoquices! É bom sentir-me rodeada de gente, é bom saber que gostam de mim, é bom dizer o quanto gosto de alguém! É bom partilhar a vida, simplesmente isso!

Muitas vezes, ao olhar à minha volta, vejo tantos velhotes sozinhos, deixados à mercê da sua sorte, que me ponho a pensar de como será a sua triste vida, sem ninguém. Os filhos muitas vezes são os primeiros a abandonar o barco, amigos, poucos ou nenhum... Antigamente os laços da amizade eram subvalorizados perante os laços familiares, que no fim se mostram tão fracos... Ao ver isto, cada vez mais sinto medo da solidão, e percebo que as nossas atitudes vão, mais tarde ao mais cedo reflectir-se num modo de vida, e que se formos bons e honestos seremos recompensados com uma vida com conteúdo, caso contrário, o seu a seu dono... e ninguém, quererá saber de nós...!

 

tags:
publicado por MissAna às 23:11

| Devaneia tu também
Devaneios:
De green.eyes a 29 de Junho de 2009 às 08:39
Também penso o mesmo, embora goste muito de estar só e ter momentos só para mim (o que são muito poucos) mas porque ainda me considero uma mulher jovem, provavelmente quando envelhecer as coisas mudam de figura. Também vejo com tristeza muitos idosos sos e penso como sera um dia ~comigo ..........
Bjs
De MissAna a 29 de Junho de 2009 às 12:46
Infelizmente são muitos os casos de idosos e não só, que vivem na solidão os seus dias... Faz-me pensar muito em como um dia será a minha vida!
beijinho e boa semana
De Maria a 29 de Junho de 2009 às 10:21
Gostei destas tuas palavras porque concordo com umas e acredito noutras!
A solidão sempre será algo que poucos ou mesmo ninguem sabe lidar... Eu pessoalmente sei lidar com o estar sozinha no meio do nada mas não gosto, mas pior é sentir-me sozinha com muita gente, já me aconteceu e é pior mesmo, é uma sensação de vazio a qual difere de quando reamente estás só!
Tem é que se viver de maneira a que a solidão não cruze com o nosso caminho!
Boa semana,
So_Risos**
De MissAna a 29 de Junho de 2009 às 12:47
Tocaste num ponto crucial, quando estamos no meio de uma multidão e mesmo assim nos sentimos sós... Isso para mim é a pior forma de solidão!
bejinhos
De Paula C. a 29 de Junho de 2009 às 13:06
Felizmente nunca tive medo da solidão, talvez porque vivi sempre rodeada de gente, fui sempre muito protegida pelos meus pais, vivo numa cidade, sempre vivi em prédios, e o mais curiosos é que por vezes sinto necessidade de estar sozinha, de ter os meus momentos em solidão mesmo. E não penso muito nisso, quando for velhinha logo se verá... Mas há pessoas que sentem muito a solidão, principalmente os mais velhos, que vivem sozinhos, às vezes quase abandonados pelos filhos, isso é uma
realidade cada vez mais comum no nosso país, principalmente para quem vive nas cidades.

Gostei do teu texto, deixa-nos a pensar.

Beijinhos e boa semana,

Paula
De MissAna a 29 de Junho de 2009 às 16:17
Eu aqui me confessei, temo muito a solidão e penso muito nisso... talvez porque vivi num sitio com pouca gente e sempre senti necessidade de estar rodeada de gente!
beijinhos
De estrelaquebrilha a 29 de Junho de 2009 às 13:46
Acho que ninguém gosta de se sentir sozinha, mas de vez enquanto acontece e temos é que saber lidar com isso, aprender a saber estar sozinha.
bj
De MissAna a 29 de Junho de 2009 às 16:18
É algo que eu não sei, e nem sequer sei lidar com isso... mas sei que preciso de contar com isso poruqe não se sabe como será um dia mais tarde!
beijinhos
De inoutyou a 29 de Junho de 2009 às 19:22
Olá Ana,
penso que já te falei o quanto gosto de solidão, e o quanto dou apreço à contemplação, à leitura , à meditação...Num mundo urbano como o nosso, nada disso é possível..é a Tv, o radio, os vizinhos, os carros na rua.
Medo...é totalmente diferente pensar ter medo e querer refugiar-se na multidão, ou ter medo e vivendo isolada, meter trancas à porta...
Muitas vezes o medo está em nossa cabeça, mas também estou de acordo que há muita malandragem por aí...
Agora solidão...quantas vezes rodados de tanta gente, e estamos sós?? solidão existe se nós quisermos (ou se estivermos doentes...)

Este tema é muito complicado

Beijinhos
Alex
De MissAna a 29 de Junho de 2009 às 21:31
É de todo muito complicado, e por isso faz-me pensar muito! Eu sinto pânico da solidão, nunca lidei bem em estar sozinha, sinto necessidade de estár ao pé de gente, e acredita, que muito na minha vida gira à volta disso... Contudo e como dizes, ás vezes estamos acompanhados mas é como se estivessemos sós, e isso para mim é a pior forma de solidão...
beijinhos
De inoutyou a 29 de Junho de 2009 às 21:43

Por isso Amiga: Para ti Um Milhão de Amigos e para mim :

Beijinhos (sem medos)
Alex (foi para rires um pouco)
De MissAna a 30 de Junho de 2009 às 00:14
LOL! Um milhão de coisas boas para ti! :)
beijinhos
De inoutyou a 30 de Junho de 2009 às 18:55

Alex
De MissAna a 1 de Julho de 2009 às 00:53
Beijos! :)
De Marta a 29 de Junho de 2009 às 22:38
Minha querida,
Por acaso este fim de semana fui jantar com duas amigas que falavam exactamente nisso. Eu sinceramente entendo no entanto acho que temos de criar defesas para evitar que a solidão nos faça sentir mal ou nos faça estar mal acompanhadas só para não estarmos sós. Acredita que sinto que caminho cada vez menos acompanhada mas sem me sentir só mas já me senti como tu.

Beijinhos
De MissAna a 30 de Junho de 2009 às 00:18
Sei que por vezes corro o risco de estar mal acompanhada, talvez mal seja um termo forte de mais, mas de saber que estou ao pé de alguém que até já não me faz assim tão bem. Mas começo a pensar, e só a ideia do vazio fico logo arrepiada... Sinto que tenho que mudar, que tenho que ver as coisas por outro angulo, pois, quem sofre no fim das contas sou eu, sozinha ou acomapnhada, pois e volto a dizer, a pior forma de solidão é quando estamos acompanhados e mesmo assim estamos sós...
beijinhos
De Lynce a 29 de Junho de 2009 às 22:55
Não me recordo da última vez que senti a solidão, isso, é coisa que não me atormenta. O medo tambem não, nessas coisas sou um gajo resistente.
A única verdade que lamento é saber que um dia vou ter que morrer, mas com sorte, espero que seja só daqui a 200 anos. À pois é!!
De MissAna a 30 de Junho de 2009 às 00:21
Então pode-se dizer que és um homem de sorte, sem medos na vida para atormentar! Quem me dera assim ser, tornava certas coisas mais fáceis, e escusava de estremecer sempre que houvesse vento! (confesso, o vento é outra das coisas que tenho medo... mas ainda há outra, mas essa um dia mais tarde confesso!)
De Lynce a 30 de Junho de 2009 às 09:40
Desde que me conheço sempre fui assim. O medo e a solidão é algo que não me atormenta.
De MissAna a 30 de Junho de 2009 às 11:39
Mais uma vez digo: Quem me dera!!
beijinhos
De Cris a 29 de Junho de 2009 às 23:19
Olá
O teu texto tocou-me... também receio a solidão (não de forma tão vincada como descreves - tenho momentos em que eu própria a procuro), sobretudo receio a solidão da noite... são as noites sozinha que me assustam em relação aos meus anos futuros...
Temos de ser positivas e acreditar que isso nunca nos vai acontecer!

Beijinhos
De MissAna a 30 de Junho de 2009 às 00:25
Olá! :)
Acho que por si só, a noite puxa a pensar-se na solidão, e quando estamos sós, são também as noites que custam mais a passar...
E como já referi, o que me mete mais medo, e que infelizmente já senti, é saber que estamos acompanhados, mas mesmo assim nos sentir-mos sós... E se deixarmos, prolongamos esse sentimento para a velhice, o que a torná realmente triste...
beijinho
De Caminhando... a 29 de Junho de 2009 às 23:54
Penso que pior pior é sentir-se solidão estando mo meio de uma multidão!
A solidão também me causa calafrios assumo, talvez por já ter passado por ela.

Beijinhos
De MissAna a 30 de Junho de 2009 às 00:26
Nem mais, a pior forma de solidão é quando estamos acompanhados e mesmo assim nos sentimos sós...
beijinhos

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.MEUS Devaneios

. Intervalo

. Amores complicados!!!!

. Nacionalidade de Adão e E...

. COMUNICADO DO GABINETE DO...

. Sátira dedicada a homens ...

. Segunda-feira...

. Depois da tempestade...

. Mulher...! :)

. É a do dia!

. Escolha do restaurante

. Velhinho de programa!!!

. Vida :)

. Crónicas da vida moderna....

. Let it snow?!

. Já....

. 2010

. A gerência deseja:

. SANTA time...

. Love by kids

. Do fim de semana

.Devaneios antigos

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.Quantos devanearam por aqui

Free Website Counters
Free Website Counters

.Online

online
Todas as imagens que acompanham os MEUS devaneios são retiradas da internet. Quando forem da minha autoria eu assino.