Segunda-feira, 16 de Novembro de 2009

Vida nas estradas!

Vi hoje na TV uma notícia que me tocou especialmente, e como o fez comigo era bom que provoca-se o mesmo efeito a todos os que a viram.. O número de mortes nas estradas portuguesas... Infelizmente um número demasiado comprido... a passar os 700...

Aqui me confesso que sempre fui um pé pesado ao volante, mas como agora tenho que fazer mais km´s para ir trabalhar, consciencializei-me mais para o assunto. Não faz mal o tempo que gasto a mais cumprindo os limites (excepto o de 50... esse ainda não consigo cumprir..), tento esforçar-me para andar mais devagar, porque como sempre me foi dito (e bem) "devagar se vai ao longe"!

As estradas estão cada vez mais perigosas e os carros cada vez mais potentes, o que apraz uma combinação muito perigosa, em muitos casos mortal... Há bem pouco tempo tocou em familiares directos essa tristeza sem medição possível, a perda de três pessoas ao mesmo tempo num acidente na A1... É algo dilacerante e destruturante psicologicamente, não há palavras para descrever... Este acontecimento fez-me repensar na minha actuação enquanto condutora, e fez-me também assumir para comigo uma promessa de mudança de atitude na estrada. Nem que seja pelo medo das multas (que já me chegaram algumas a casa...), faço um apelo a todos, para repensarem na conduta enquanto condutores, para que o trágico número de mortes na estrada não aumente ainda mais...

 

E para nos embalar nesta viagem, vai esta música, que especialmente adoro!

 

 

tags:
publicado por MissAna às 00:30

| Devaneia tu também
Devaneios:
De João Rodrigues Ferreira a 17 de Novembro de 2009 às 19:41
Também já tive o pé pesado, e tive alguns acidentes graças a isso, hoje em dia digo-te, detesto auto-estradas, porque as pessoas conduzem como se fossem numa pista, fazendo aproximações ao carro da frente, como se fosse um formula !, e não se vê niguém a 120, até parece mal a certos "condutores". Neste aspecto prefiro as estradas nacionais, não se paga portagem, têm curvas, o que faz que não se adormeça, e não há tanto stress.
Quanto aos 50, cuidado!!! Não gosto de ver carros a alta velocidade dentro das localidades, é que aí a rua também é para os peões, ciclistas, etc...
E, no que respeita à potência dos carros, são relmente mais potentes, mas as curvas são as mesmas, as descidas sem rails também, os outros motoristas são os mesmos, a chuva é a mesma, o grau de álcool das bebidas é o mesmo...
bjs
De MissAna a 17 de Novembro de 2009 às 19:45
Tudo o que dizes é verdade. Eu sou uma das condutoras que em auto estrada vou a 120...
Quanto ao alcool, o grande inimigo da vida e bom aliado da morte, continua a ser um dos grandes causadores de acidentes... As mentalidades têm mesmo que mudar para que possa tudo ser diferente...
Bjos

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.MEUS Devaneios

. Intervalo

. Amores complicados!!!!

. Nacionalidade de Adão e E...

. COMUNICADO DO GABINETE DO...

. Sátira dedicada a homens ...

. Segunda-feira...

. Depois da tempestade...

. Mulher...! :)

. É a do dia!

. Escolha do restaurante

. Velhinho de programa!!!

. Vida :)

. Crónicas da vida moderna....

. Let it snow?!

. Já....

. 2010

. A gerência deseja:

. SANTA time...

. Love by kids

. Do fim de semana

.Devaneios antigos

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

Todas as imagens que acompanham os MEUS devaneios são retiradas da internet. Quando forem da minha autoria eu assino.