Domingo, 21 de Junho de 2009

I´m yours

Devemos reconhecer sempre o valor das pessoas nas nossas vidas, pela importância que ocupam nela e pela grandiosidade que lhe confere!

E eu, posso-me considerar uma sortuda por estar rodeada de pessoas maravilhosas!

Posso dizer que os meus amigos, são como família para mim, e prezo-os como tal! Tenho a sorte de conviver com pessoas cheias de luz!! Em todos os momentos estão lá, a dar a mão, o apoio necessário, a palavra que precisamos de ouvir mesmo que que custe... É isto que caracteriza uma boa amizade!

Há quem ache que um bom amigo deve contar tudo tudo ao outro, que deve comprar os brigas do amigo e toma-las suas... Pois eu não posso discordar mais! A nossa vida é sempre a nossa vida, e devemos manter sempre um pouco da nossa privacidade! Há coisas que são mesmo assim, só nossas e não devem ser partilhadas! E não é por falta de confiança ou amizade, é algo natural, e como tal, deve ser assim sempre encarado! Apesar da amizade que sentimos, não devemos tomar como nossas as divergências alheias, para mim, não é sinal de amizade, mas sim de falta de personalidade e uma grande vontade de agradar a outra pessoa... Mas se somos amigos, já gostam de nós assim, como somos, não precisamos de impor o agrado...!!!

Só dei mais valor que tenho e sempre tive, depois de perceber o quanto alguns "amigos" podem ser perversos e falsos! Depois de ver o quanto se pode descer numa dita amizade, o quanto a falta de amor próprio, mascarada de excesso de personalidade pode fazer ás pessoas... Mas mesmo assim agradeço a essa gente que passou pela minha vida, foi através dessa mesma gente que valorizei mais e fortaleci ainda mais os laços de amizade verdadeiros, pondo de parte quem não presta e nunca vai prestar!

Noites como as de ontem só foram e são especiais porque vos tinha a vocês ali comigo! E sei que sempre vos vou ter e que vocês sempre me terão!

Aos meus amigos blogosféricos, pelos quais eu nutro já grande amizade, e que me conhecem melhor que muita gente, acreditem, e todos os meus Amigos uma abraço bem apertadinho! Os laços vão se cultivando e fortalecendo sem ser preciso qualquer imposição, não é por estar todos os dias com alguém ou por abrir a minha vida toda que algo mágico vai surgir... A magia não existe, e amizade é feita pelos nossos actos e posições perante a vida, e é aqui que surge toda a diferença....

Sem vocês nada teria piada!!!!

 

 

tags:
publicado por MissAna às 23:52

| Devaneia tu também | Outros devaneios (10)
Sexta-feira, 8 de Maio de 2009

Meu querido "Ex"

No seguimento do ultimo post, em que se falava das amizades entre homens e mulheres, nas quais eu acredito e tenho várias de qualidade, seguiu-se um comentário em que foi abordada a amizade entre “ex”… E aqui, para mim, a história começa a ser outra…

Não acredito na amizade entre ex namorados…. Como se diz, uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa!! Esta é uma amizade diferente… se é que se pode chamar amizade…

Partilhámos com o nosso “ex” uma parte da nossa vida, a nossa intimidade, os nossos sonhos, muito de nós, e dizendo as coisas como são, fizemos sexo com o dito “ex”… Para mim, é impossível continuar uma relação de amizade com a pessoa quando as coisas chegam ao fim, mesmo que a relação acabe em “bem”, não consigo ver a outra pessoa como meu amigo… Escolhi-o para ser meu amante com tudo o que isso implica: amor, sexo, amizade, partilha, companheirismo, etc. Mas e quando isto acaba? Vamos continuar a falar de nós tão abertamente? Vamos combinar um cafezinho como se nada fosse? Vamos partilhar as nossas alegrias e desamores como se ele(a) fosse um amigo de longa data e que nunca passou pela nossa cama? Para mim é impossível, mas respeito (não entendo) quem o consiga fazer….

Acho que há coisas que quando acabam têm que ficar para trás, na sua totalidade, não em partes… Se termina uma relação, a ligação principal, o fio condutor da mesma quebra-se irreversivelmente. Não é deixar de falar, até porque não sou adepta de ressentimentos, e há sempre muita coisa boa numa relação para recordar para nós próprios, mas daí a ser amiga do peito do “ex” é que não…Quando há retomas, contactos, normalmente é quando se quer mais, quando o sentimento não ficou esclarecido e há vontade de tentar novamente… E acho que nós mulheres (correndo o risco da generalização) sabemos bem como isto funciona… Quando ainda gostamos, acreditamos sempre na ultima esperança..!

 

 

tags:
publicado por MissAna às 00:31

| Devaneia tu também | Outros devaneios (20)
Segunda-feira, 6 de Outubro de 2008

Amizade

"(...) O que é "estar preso" quer dizer?

- É uma coisa que toda a gente se esqueceu - disse a raposa. - Ora vê: por enquanto, para mim, tu não és senão um rapazinho perfeitamente igual a outros cem mil rapazinhos. E eu não preciso de ti. E tu também não precisas de mim. Por enquanto, para ti, eu não sou senão uma raposa igual a outras cem mil raposas. Mas se tu me prenderes a ti, passamos a precisar um do outro. Passas a ser único no mundo para mim. E para ti, eu passo a ser única no mundo... (...) - Tenho uma vida terrivelmente monótona. Eu caço galinhas e os homens caçam-me a mim. As galinhas são todas iguais umas ás outras e os homens são todos iguais uns aos outros. Por isso ás vezes aborreço-me um bocado. Mas, se tu me prenderes a ti, a minha vida fica cheia de Sol. Fico a conhecer uns passos diferentes de todos os outros passos. (...) - Só conhecemos as coisas que prendemos a nós - disse a raposa. Os homens agora já não têm tempo para conhecer nada. Compram as coisas já feitas nos vendedores. Mas como não há vendedores de amigos, os homens já não têm amigos. Se queres um amigo prende-me a ti!

- E o que é preciso fazer? - perguntou o principezinho.

- É preciso ter muita paciência. Primeiro sentas-te um bocadinho afastado de mim, assim em cima da relva. Eu olho para ti pelo canto do olho e tu não dizes nada. A linguagem é fonte de mal-entendimentos. Mas todos os dias te podes sentar um bocadinho mais perto...

O principezinho voltou no dia seguinte.

- Era melhor teres vindo á mesma hora - disse a raposa. Se vieres, por exemplo, ás quatro horas ás três, já eu começo a ser feliz. E quanto mais perto for da hora, mais feliz me sentirei. Ás quatro em ponto já hei-de estar toda agitada e inquieta: é o preço da felicidade! (...)" 

 

"O Principezinho" de Antoine de Saint-Exupéry

 

Podia transcrever muito mais, pois este livro tem conteúdos e pensamentos deliciosos...

Dedico esta trancrição a todos que me prendem de alguma maneira...

Um muito obrigado por tudo!

publicado por MissAna às 01:06

| Devaneia tu também | Outros devaneios (4)
Quarta-feira, 1 de Outubro de 2008

Nas costas dos outros...

... vemos as nossas! Lá dizia o velho ditado e com toda a sapiência que os ditados podem ter! Pessoalmente, sempre gostei de ditados populares, pois de uma forma tremendamente simples passam mensagens que normalmente, e falo por mim, teria que escrever/dizer muito mais para chegar ao mesmo objectivo! E este ditado, (in)felizmente tenho-o usado com alguma frequência... Pois no meu caminho, e acho que acontece o mesmo a quase toda a gente, passaram pessoas que me mostraram o quanto é verdade...! Felizmente estou sempre a aprender e como tal, cada vez estou mais atenta ás costas alheias para assim ver as minhas! Não vá o diabo tece-las e vestir um lobo de cordeirinho...

publicado por MissAna às 23:18

| Devaneia tu também | Outros devaneios (4)
Quinta-feira, 14 de Agosto de 2008

Dependências

Sou dependente de muita coisa... Tenho vindo a reflectir sobre isso e cada vez mais vejo que realmente não sou nada independente...

Preciso de uma quantidade enorme de carinhos diários, que incluem beijinhos, abraços, festinhas e afins!

Dependo de palavras bonitas vindas do amor, da familia dos amigos e conhecidos. Das palavras que fazem frases que têm todo o sentido nas músicas que gosto de ouvir, daquelas que me tocam, que me fazem vibrar, rir, pensar e ás vezes voar (ele à músicas...!!!). Dependo dos meus (três ) telemóveis... sim, são muitos... mas se virmos noutra perpectiva... há três redes... preciso de um para cada rede... (desculpas...!!), quando um falha, ai valha-me alguém que fico em apuros!!

Dependo também da minha familia, que apesar de estarmos pouco tempo juntos, preciso muito deles, de saber que eles estão lá...

Dependo dos meus brincos, que me fazem sentir especial quando saio de casa, mesmo naqueles dias em que parece que tudo é cinzento...

Dependo das pessoas de quem gosto, gosto de saber que estão lá, mesmo que na cumplicidade do silencio!

Dependo do meu portátil (nem imaginam como fiquei quando o anterior a este avariou...)

Dependo do meu carrinho, que me leva a todo o lado a que quero ir, são as minhas pernas e sem as quais já não me imagino!

Dependo do meu trabalho, daquilo que gosto de fazer, ajuda a ocupar a cabeça, a faze-la esquecer problemas e as chatices do dia a dia..

Com isto tudo só posso concluir que dependo de tanta coisa, que não posso dizer que sou totalmente independente, não consigo viver sozinha, sem estar rodeada das pessoas que gosto e que gostam de mim, sem os meus objectos e objectivos e já me esquecia... sem as minhas gatinhas de quem tanto gosto!

publicado por MissAna às 19:15

| Devaneia tu também | Outros devaneios (13)
Terça-feira, 12 de Agosto de 2008

Cinco Sentidos

 

Com os cinco sentidos bem apurados sinto, amo e odeio...

Sinto o cheiro do que gosto e o cheiro que me repugna, sinto o cheiro de um beijo e de um momento, o cheiro do ar e o cheiro do amor...

Vejo o que me rodeia: o que me agrada e desagrada, mas ás vezes vemos melhor com os olhos fechados, "o essencial é invisível aos olhos, só se vê bem com o coração"...

O toque de uma carícia, ai o toque de uma carícia..!! O bem que sabe e o bem que faz! O toque, o toque do desejo, o toque do amor, o toque da amizade.. mas também o toque de maldade, quando  se usa esse sentido para o pior dos usos...

Ouvidos! São o meio de transporte das palavras bonitas para o cérebro, ouvem as músicas que me marcam, as palavras que me tocam, mas também ouvem frases de quem me quer mal ou digamos assim, menos bem!! Mas aviso já, eles são selectivos, preferem e seleccionam as palavras que os elevam e constroem, deixam cá fora as criticas destrutivas que não contribuem em nada para ser uma pessoa melhor...

Finalmente o sabor! O sabor de um momento é infinitas vezes melhor que o sabor do melhor dos manjares! O sabor de um lábio, o sabor da pele, o sabor da VIDA!!

Com os cinco sentidos bem envolvidos pela peixão pela vida, por algo ou por alguém, elevam-me a sentimentos inexplicáveis, que na maioria das vezes são bons e estimulantes para prosseguir, mas como em tudo, quando se sente com toda a força, também os sentimentos que magoam são sentidos a dobrar... Mas mesmo assim, não me importo de sentir, enquanto sinto estou viva e estou a lutar para ser uma pessoa cada vez melhor!!

 

publicado por MissAna às 13:37

| Devaneia tu também | Outros devaneios (12)
Sexta-feira, 1 de Agosto de 2008

Expectativas

Todos já alguma vez na nossa vida criamos expectativas em relação a qualquer coisa, desde um filme, a um restaurante, a uma loja, e em relação a alguém. E é aqui que quero chegar. Quantas vezes se cria demasiadas expectativas em relação a alguém, chegando-se mesmo a pensar que é(são) uma(s) pessoa(s) espetacular(es), daquelas que já não há muito por ai e depois, no fim de contas, essa(s) pessoa(s) espetacular(es) revelam-se ser da pior espécie que há.. Agora pergunto-me, e só agora, será que criei demasiadas expectativas relativamente a essa(s) pessoa(s)? E será que tais pensamentos positivos nos tornam tão cegos e ofuscados que não conseguimos ver o íntimo de quem nos rodeia? Porque ninguém fica desta ou de determinada maneira de repente, pode-se mascarar durante um tempo, iludir, mas acaba sempre em pequenas atitudes revelar-se aos poucos até ao dia da tragédia final em que acordamos de repente do êxtase que fomos criando ao longo do tempo...

É com estas coisas que vou tirando as minhas elações, entre elas, devemos sempre escolher bem em quem confiar, outra e para mim a mais importante, não criar demasiadas expectativas em relação a nada, porque a desilusão será sempre maior...

 

publicado por MissAna às 11:38

| Devaneia tu também | Outros devaneios (6)

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.MEUS Devaneios

. I´m yours

. Meu querido "Ex"

. Amizade

. Nas costas dos outros...

. Dependências

. Cinco Sentidos

. Expectativas

.Devaneios antigos

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.Quantos devanearam por aqui

Free Website Counters
Free Website Counters

.Online

online
Todas as imagens que acompanham os MEUS devaneios são retiradas da internet. Quando forem da minha autoria eu assino.